27 de mai de 2010

American Idol 2010

Pois é, eu vinha postando rodada após rodada o desenvolvimento do programa, até que me cansei. Vou apenas dar a minha opinião resumida sobre o que aconteceu nesta edição.

Tudo está bem quando acaba bem, certo? Errado! O programa acabou bem com a vitória de Lee DeWyze (o azarão da competição), pelo terceiro ano consecutivo eu torcia pelo vencedor. Mas essa foi uma das piores edições. Participantes quase sempre pouco esforçados e pouco talentosos, não houve quase nenhum grande momento do qual eu irei me lembrarem três ou quatro anos.



Aaron Kelly: quinto lugar. Um dos mais bregas da história do programa, apesar de ter apenas 17 anos. Tem boa voz,mas não conseguiu fazer um arranjo decente durante todo o programa. Só chegou tão longe por conseguir votos do largo público country. Sua maior proeza foi assassinar "Fly me to the Moon" em sua última apresentação.




Andrew Garcia: oitavo lugar. Mas deveria ter ficado menos. Conseguiu uma excelente apresentação com "Straight Up" logo no começo, mas depois disso só teve mais uma boa performance, com "Gimme Shelter".




Casey James: terceiro lugar. Durou bastante, até. Ótimo guitarrista, cantor mediano, será lembrado por ter tirado a camisa para a jurada Kara DioGuardi. Sua melhor apresentação foi "Jealous Guy".




Crystal Bowersox: segundo lugar. Nem tão feia quanto na foto, nem tão boa quanto os jurados avaliavam. Super-valorizada e arrogante até o osso, atingiu seu auge fora da zona de conforto, com "Black Velvet". Imitação de dreadlocks da entediante Alanis Morissette, ela é uma nota sete resultante de média entre seis e oito. Não pode ir além disso.




Didi Benami: décimo lugar. Merecia ir mais longe, mas não muito. Cantou músicas bonitinhas, mas nada muito além. O ápice dela, que é uma das mais belas participantes de todas as edições do programa, foi em "Play with Fire".




Katie Stevens: oitavo lugar (também). Outra bela participante, foi eliminada assim que se encontrou na competição, infelizmente. Auge em "Chain of Fools".




Lacey Brown: décimo segundo lugar. Sem-graça, deveria ter saído antes para que Lily Scot pudesse entrar entre os 12 finalistas. "Kiss me" foi sua melhor noite.




Lee Dewyze: primeiro lugar. Vitória merecida de um bom sujeito que cresceu vertiginosamente durante o programa. Teve várias noites boas, destaco "Hallelujah" e "That's Life".




Michael Lynche: quarto lugar. Carismático e competente, deveria ter tomado o terceiro lugar de Casey James. Destaque para sua versão de "This Woman's Work".




Paige Miles: décimo primeiro lugar. Grande voz, acabou prejudicada pelos problemas de saúde. "Walk Away" foi sua melhor canção.




Siobhan Magnus: sexto lugar. Tinha tudo para chegar à final. Voz absurda, beleza diferente, jeito curioso/esquisito de ser, péssimas roupas... Mas foi engolida pela competição, não soube crescer com ela. E acabou sendo uma grande decepção. Guardarei suas apresentações inesquecíveis de "Paint it Black" e "Think", mas não sem certa melancolia. Espero que ela grave um álbum até o fim do ano. Ok, admito, tive uma certa "crush" platônica nela.




Tim Urban: sétimo lugar. Será para sempre lembrado como aquele que assassinou os falsetes de"Apologize". Começou com a promessa de ser o pior cantor de toda a história do programa, mas acabou crescendo espantosamente, ao ponto de ser possível se perguntar se ele não deveria ter ficado uma semana a mais que Aaron Kelly, o quinto colocado (embora não mais semanas que a Siobhan). Ouça sua versão para "Can't Help Falling In Love".



Nota final: na última apresentação da temporada, Lee não pôde escolher suas músicas e foi destruído pela produção, com músicas que não encaixavam em seu estilo. Assim como David Cook e Kris Allen, vencedores nas duas edições anteriores, foi dado como morto pelos jurados após a Final, mas suas apresentações anteriores foram lembradas pelo público e Lee Dewyze conseguiu levar o título. (Eric 3 X 1 Jurados... e olha que eu pouco sei de música).


Desconectando.

3 comentários:

  1. Depois é d mim que os outros tem medo... =x

    ResponderExcluir
  2. péssima as suas avaliações sobre os participantes
    O Lee fez algumas boas apresentações...O resto foi tudo mediano
    A Crystal era a melhor,sem sombra de duvidas...E digo mais:o Lee só ganhou pq é bonitinho,pq se fosse com o rosto do Big Mike não ganharia...Assim como o Kris Allen ganhou do Adam,que visivelmente sempre foi mais talentoso...
    O Lee desafinava horrores,e foi é FAVORECIDO pela produção,e principalmente pelo Simon,e porisso ganhou

    ResponderExcluir
  3. Lucas viajou. Direito dele. Cada um compra a teoria da conspiração que lhe favorecer.

    ResponderExcluir