2 de nov de 2008

Esse post foi eliminado por falta de significado.

.

4 comentários:

  1. Toc, toc, toc....


    bem, acabo de entrar na casa de um cara que está um pouco mais feliz.

    Esse cara está perdendo medo de sorrir, está tirando as vendas que nao faziam enxergar como ele é um cara que reune uma porrada( termo usado só pro texto não ficar tão formal) de qualidades, e, mais ainda, elas, as vendas, faziam ele não enxergar que as pessoas que o rodeiam enxergam essa boas caracteristicas que ele tem.

    Fico muito feliz por ele, não por ele entra numa fase bem prazeirosa da vida, mas sim de conhecê-lo antes disso e ver que essa felicidade que ele sente nada mais é do que uma justiça à pessoa dele!


    Ainda bem que 15 musicas não apontam o quanto é bom se sentir bem. Fique certo, cara, que também to muito feliz, pela sua fase, é claro, mas tambem por ter orgulho de poder chamá-lo de amigo.

    "Apenas" palavras sinceras.Ao meu grande amigo, Eric.

    Diego Sandins

    ResponderExcluir